O Mandato Coletivo das Mulheres por + Direitos esteve presente na ocupação do prédio Di Thiene para garantir condições básicas de higiene e alimentação para as pessoas que ali estavam, servindo como ponte para negociações e acompanhando os desdobramentos para o cumprimento integral das ordens jurídicas que não estavam sendo respeitadas pela prefeitura tratando de forma desumana as familias que ali se encontravam.

O mandato não esteve e nem está à frente de nenhuma organização de ocupação, como afirma mentirosamente a direita, nós e o PSOL respeitamos a autonomia dos movimentos sociais. Não há nenhum motivo legal para punirem o nosso mandato! Mesmo assim, através do líder de governo a base dos apoiadores de Tite Campanello (Cidadania) na Câmara aprovaram uma Comissão Especial de Ética para perseguir o nosso mandato!

O que está acontecendo é uma perseguição política dos aliados à base governista da cidade, propagando fake news ao estilo bolsonarista, usando desses métodos para perseguir e tentar calar um mandato de esquerda, ativo e fiscalizador que atua e atuará de forma efetiva na cidade, fiscalizando a garantia de Direitos Humanos à população.

Por isso, não vão nos calar! Some-se a esse movimento e mostre seu apoio ao nosso mandato, assine o abaixo-assinado:

Preencha os dados abaixo e assine para demonstrar seu apoio ao mandato!

*Ao assinar o abaixo assinado você concorda que publiquemos seu nome na lista de apoiadores a ser entregue junto do manifesto para as autoridades a que se destinam as reivindicações.

Obrigada! Vamos juntas!

Veja nossa política de privacidade. Este site é protegido pelo reCAPTCHA e, por isso, a política de privacidade e os termos de serviço do Google também se aplicam.